Receitas mais recentes

Principais vinícolas de Napa Valley e Sonoma

Principais vinícolas de Napa Valley e Sonoma


We are searching data for your request:

Forums and discussions:
Manuals and reference books:
Data from registers:
Wait the end of the search in all databases.
Upon completion, a link will appear to access the found materials.

Napa Valley e Sonoma County, localizados a apenas cerca de uma hora de carro de São Francisco, são o lar de algumas das vinícolas mais renomadas do mundo - e com uma temperatura média de 70 graus o ano todo, não há baixa temporada.

Mas com mais de 400 vinícolas para escolher, por onde você começa?

Não se preocupe; nós temos você coberto. Estas são as vinícolas que você deve visitar quando estiver em California Wine Country.

1. Domaine Chandon

Esta vinícola de 42 anos, o primeiro empreendimento de vinho espumante de propriedade francesa nos Estados Unidos, se estende por 800 acres em Yountville. Domaine Chandon tem alguns vinhos tranquilos, mas sua produção principal é o vinho espumante. Duas ofertas espetaculares são Blanc de Noirs e e’toile Brut. Não deixe de fazer sua degustação ao ar livre, no terraço; é cercado por uma vegetação luxuriante e oferece uma bela vista.

2. Jarvis

O passeio pelas estradas sinuosas de Napa é quase tão impressionante quanto os vinhos Jarvis que esperam por você. O exterior da adega é discreto, mas não se confunda: passe pela porta da frente e você será oprimido pelos 45.000 pés quadrados de caverna escavada através da Montanha Vaca. Se você está procurando um ótimo tinto, não deixe de experimentar o Flagship Cabernet Sauvignon. Na outra extremidade do espectro, um grande branco seria o Finch Hollow Chardonnay. Certifique-se de agendar com antecedência; as visitas são somente com hora marcada e os passeios disponíveis são limitados.

3. Gloria Ferrer

Um assento com vista. Essa é a melhor maneira de descrever Gloria Ferrer, onde cada assento externo tem uma vista panorâmica dos vinhedos. Gloria Ferrer não é a primeira casa de espumantes de Sonoma, mas foi a primeira a plantar clones de champanhe. Para um vinho espumante limpo e fresco experimente o Royal Cuvee Brut. Antes de se sentar para saborear a degustação, compre uma charcutaria e um prato de queijos. As opções são infinitas.

4. Newton

Você não quer perder este. Newton fica em uma propriedade na encosta com vista para o Vale do Napa - a vista do topo é inspiradora e tem um jardim de inspiração asiática surpreendente - então vá para a sua degustação cedo e reserve um tempo para passear pela propriedade. A sala de degustação íntima acomoda muito poucas pessoas, então você terá uma compreensão real da propriedade, fundadores e, claro, do vinho. O chardonnay não filtrado de 2012 e o merlot não filtrado de 2012 são ótimas opções.

5. Rodney Strong

Localizada em Healdsburg, a Rodney Strong foi fundada em 1959 e cultiva de forma sustentável 14 vinhedos. Um ótimo vinho para experimentar quando você estiver lá seria o Alexander Valley, Estate Cabernet. Certifique-se de trazer uma ou duas taças de vinho para o terraço, onde você pode combinar sua degustação de vinhos com a culinária local e contemplar o extraordinário cenário dos vinhedos.

6. Ferrari Carano

Pise no pátio da Ferrari Carano e você não estará mais em Healdsburg. É como se você tivesse sido transportado para a Europa. Dos pilares aos canteiros de flores vibrantes, você tem que parar para absorver tudo. O melhor local para uma degustação é na Enoteca, uma adega subterrânea onde você pode saborear a produção menor, vinhos difíceis de encontrar, como o pinot noir e chardonnay. Na saída dê um passeio pelas trilhas, lagoas e cachoeiras. A beleza é estonteante.

7. Ponte Lambert

Outra vinícola de Healdsburg é a Lambert Bridge, que é pouco conhecida, mas não demorará muito. Desde o passeio panorâmico pela folhagem até o extenso jardim da frente com mesas de piquenique, você terá dificuldade para sair. O Chambers Vineyard Rosé 2013 é uma forma revigorante de começar o dia. Os funcionários são experientes e amigáveis ​​e irão ajudá-lo a encontrar a garrafa perfeita para o seu gosto.

Para mais da Fox News

  • Pelicano brincalhão tenta arrancar a cabeça de uma mulher com uma mordida

O Melhor de Napa

Como vocês sabem bem a região vinícola mais famosa da América? Bem, se o nome Diamond Mountain não soa familiar, você precisa saber mais. Aqui, um guia seletivo para as 14 sub-regiões de Napa (chamadas AVAs), com as principais vinícolas e as principais variedades de uvas em cada uma.

O Vale do Napa se tornou a região vinícola mais famosa dos Estados Unidos. E os vinicultores de Napa apresentaram uma frente tão unificada que é fácil esquecer que o vale é uma coleção de 14 sub-denominações, ou Áreas Vitícolas Americanas (AVAs), cada uma com sua própria personalidade distinta. Assim como Gevrey-Chambertin na Borgonha produz Pinot Noirs mais poderosos do que os vizinhos Chambolle-Musigny, Napa & aposs Spring Mountain District cria Cabernets que são mais densos e mais estruturados do que aqueles feitos na porta ao lado em Santa Helena.

Uma razão pela qual os produtores de vinho de Napa podem não prestar muita atenção aos AVAs é que aqueles no vale tendem a ser bastante grandes; um único AVA pode abranger muitos tipos de solo e microclimas. Além disso, a tendência de Napa para vinhos voluptuosos com frutas luxuosas e carvalho generoso pode ofuscar as nuances do terroir. Mas uma degustação cuidadosa prova que os AVAs são importantes. O que se segue é um guia AVA abrangente que identifica as principais características dos vinhos, bem como as principais vinícolas e alguns ótimos pontos de parada ao longo do caminho para o viajante de Napa. Observe que a maioria das vinícolas listadas aqui são abertas apenas com hora marcada, portanto, certifique-se de ligar com antecedência.

O Carneros AVA é uma anomalia de Napa. Embora a maior parte do vale tenha um clima quente, ideal para Cabernet, o clima fresco e arejado de Carneros é mais adequado para Chardonnay e Pinot Noir.

Embora a Pinot seja a uva-chave da Carneros, muitas das primeiras plantações produziram vinhos medíocres. Então, a filoxera surgiu no final da década de 1980 e os vinhedos tiveram que ser replantados. O resultado, ironicamente, foi Pinot Noir muito melhor. Nomes antigos de Carneros Saintsbury, Acacia e Carneros Creek estão fazendo vinhos melhores do que nunca, os participantes mais novos, como Robert Sinskey estão produzindo Pinots que são puros e refinados, e produtora de vinho espumante Carneros de longa data Domaine Chandon tem um novo e delicioso Pinot, Ramal Road Reserve.

Quanto ao Chardonnay, um vinhedo estrela é Hyde, uma fonte de frutas de primeira qualidade para Patz & amp Hall e David Ramey, entre outros. O produtor Larry Hyde também lançou um selo próprio, HdV, em conjunto com Aubert de Villaine do famoso Domaine de la Roman & # xE9e-Conti. Eles estão produzindo Chardonnay mineral, Syrah rico e uma mistura dominante de Merlot. Syrah e Merlot também têm um desempenho extremamente bom em alguns locais de Carneros: dois exemplos brilhantes de Hudson Vineyards são Havens& apos Hudson T Syrah e os vinhos à base de Merlot de Arietta.

O terreno dramático do Distrito de Diamond Mountain, uma das denominações mais ao norte do Vale do Napa, é íngreme e rochoso. Os solos são maioritariamente vulcânicos, e o clima é influenciado pelas brisas oceânicas e nevoeiros, resultando em grandes oscilações de temperatura entre o dia e a noite, que ajudam a preservar a acidez das uvas.

Diamond Mountain District é mais conhecido por seus grandes cabernets estruturados, exemplificados pelos vinhos enormemente concentrados de Diamond Creek Vineyards. Antes conhecidos por seus taninos que levavam anos para se descontrair, os Diamond Creek Cabernets se tornaram mais acessíveis em safras recentes e, embora seus taninos ainda estejam presentes, eles são mais maduros e finos.

Embora Diamond Creek ainda defina o padrão para o AVA, outros produtores também estão fazendo vinhos interessantes. A família Davies do império de vinhos espumantes Schramsberg lançou seu primeiro Cabernet em 2004 aqui sob o J. Davies etiqueta. Dyer Vineyard resulta um Cabernet encorpado com um toque de chocolate, enquanto Von Strasser produz uma notável mistura no estilo de Bordeaux, chamada Sori Bricco, que exibe uma mineralidade impressionante. E Sterling Vineyards& apos Cabernet, de seu vinhedo Diamond Mountain Ranch, nunca esteve melhor.

Não existe uma verdadeira montanha da primavera. Este AVA em grande parte florestado, logo acima de Santa Helena, não é uma montanha, mas uma sela de terra entre o Monte Veeder e o Distrito de Diamond Mountain. O nome vem das inúmeras fontes naturais da área. As uvas são cultivadas aqui desde a década de 1870, mas apenas na última década a reputação da região começou a disparar. Muito disso se deve ao Cabernet, e é isso o que conta no Spring Mountain & # x2014 Cabernet poderoso, rico, denso e escuro. Alguns dos melhores incluem deliciosos táxis de Barnett Vineyards (seu vinho Rattlesnake Hill é particularmente expressivo de Spring Mountain) e versões ainda mais intensas de Pride Mountain Vineyards e Família Frias (seu Cabernet tem muitas frutas vivas que temperam seus poderosos taninos). Outros produtores notáveis ​​incluem nomes estabelecidos como Robert Keenan e Spring Mountain Vineyard (ambos de volta em boa forma após alguns anos sem brilho) e os mais recentes, como Terra Valentine e Fantesca, todos ajudando a tornar Spring Mountain um dos AVAs mais emocionantes de Napa.

Spring Mountain District também é a fonte de alguns brancos memoráveis, incluindo Smith-Madrone& aposs grande Riesling (o melhor na Califórnia), Pride Mountain & aposs excelente Viognier e o pioneiro Stony Hill& aposs Chardonnay de longa duração.

O St. Helena AVA ainda está lutando para estabelecer uma identidade. Até agora, Cabernet Sauvignon é a uva mais importante do distrito, e Spottswoode é o seu produtor estrela, produzindo vinhos elegantes e contidos. Na verdade, elegância e contenção tendem a ser as marcas registradas do Santa Helena Cabernet (um pouco surpreendente, já que Santa Helena é um dos lugares mais badalados do vale).

Whitehall Lane Winery produz um excelente Cabernet da Vinha Leonardini, e BeringerO engarrafamento do St. Helena Home Vineyard, do vinhedo original da vinícola, que Jacob Beringer comprou em 1875, é denso e aveludado. Várias novas vinícolas estão produzindo alguns dos melhores Cabernets da AVA & aposs que incluem Bressler, Parry Cellars, Hundred Acre e Ampulheta (cujo rico Cabernet tem taninos surpreendentemente finos).

Rutherford, embora um AVA apenas desde 1993, foi a fonte dos vinhos mais notáveis ​​da Califórnia em meados do século 20. Nos dias de hoje, Rutherford não tem o sentimento da vizinha Oakville de novidade espalhafatosa, mas este venerável AVA ainda produz vinhos maravilhosos.

Os melhores vinhedos ficam a oeste da Rodovia 29, rendendo frutos para vinhos ricos e densos à base de Cabernet, como Flora Springs Reserva Rutherford Hillside, Niebaum-Coppola Rubicon, BV Reserva, Grgich Hills Cabernet e Hewitt Vineyard Cabernet. Rubicon tipifica os sabores intensos do lado oeste de Rutherford & aposs, assim como o BV Reserve e o Hewitt, embora esses vinhos tenham um sabor um pouco mais maduro do que o Rubicon. Irmão de Hewitt e aposs, Vinhas de Proveniência, faz um Cabernet de um local a leste da Rodovia 29, perto da trilha Silverado, que tem um toque de herbáceo. Quintessa, também a leste de 29, combina fruta exuberante com estrutura firme.

Quanto ao aroma ou sabor de & quotRutherford dust & quot frequentemente atribuído aos Rutherford Cabernets, mesmo o grupo vinicultor AVA & aposs, a Rutherford Dust Society, afirma que o termo & quot refletiu um compromisso duradouro com a qualidade, em oposição a qualquer componente sensorial nos vinhos da denominação & aposs. & Quot. Em outras palavras, a frase soa bem, mas não significa nada.

A controvérsia sobre o Stags Leap District & # x2014o nome da denominação e seus limites & # x2014 começou em meados da década de 1980 e durou toda a década. Foi uma disputa bem divulgada e muitas vezes pública. E alguns vinicultores continuam a reclamar que alguns vinhedos que não foram incluídos quando o AVA foi aprovado em 1989 deveriam ter sido.

Mas política à parte, uma semelhança distinta pode ser encontrada em muitos dos Cabernets do distrito, e o motivo mais provável é o clima. Stags Leap é fortemente influenciado pelas brisas frescas que serpenteiam por seus montes e penhascos e dão ao distrito uma temporada de cultivo excepcionalmente longa.

Stags Leap District Cabernet é tipicamente descrito como & quotan punho de ferro em uma luva de veludo. & Quot. Os melhores são deliciosos quando jovens e capazes de envelhecer muito bem Shafer Vineyards& apos Hillside Select Cabernet é um excelente exemplo. Na verdade, o engarrafamento Hillside Select define o padrão. Caves de vinho Stag & aposs Leap, que trouxe fama para a área, ainda faz um bom trabalho com Cabernet, e Silverado Vineyards faz vinhos encorpados e dramáticos. As vinícolas mais novas com grande potencial incluem Quixote e o epônimo Vineyards Cliff Lede, cujo proprietário abriu recentemente o único hotel da área, o minúsculo Poetry Inn.

Costumava ser fácil identificar um Cabernet de Mount Veeder: era o vinho com os taninos verdes (verdes) duros. O problema era que algumas partes do distrito eram simplesmente frias demais para as uvas Cabernet amadurecerem totalmente. Esse problema agora é praticamente uma coisa do passado. Os cabernets do Monte Veeder ainda são intensos e estruturados, mas os vinicultores de hoje são capazes de criar vinhos com taninos mais finos e maduros. Uma razão é que eles estão cultivando Cabernet nas áreas mais quentes, deixando os lugares mais frios para uvas como Merlot e Syrah, que requerem menos calor.

No entanto, Mount Veeder ainda é bem conhecido por Cabernet e produz alguns ótimos, como Lokoya& aposs & # x2014 um vinho intenso que precisa de tempo para abrir. The Hess Collection Cabernet é mais acessível. (Hess possui mais vinhedos em Mount Veeder do que qualquer outro produtor.) Outro venerável produtor de Mount Veeder, Vinhas Mayacamas (construído em 1889 e conhecido por esse nome desde 1941) ainda produz Cabernets ricos e terrosos que podem envelhecer para sempre, embora Mount Veeder Winery faz uma mistura grande e musculosa ao estilo de Bordeaux.

Outros vinhos Mount Veeder a serem procurados incluem ProveniênciaMerlot de Paras Vineyard (também a fonte de Montanha de jade& aposs smoky Syrahs), e minúsculo novo Lagier Meredith Vineyard& aposs Mount Veeder Syrah.

Embora as primeiras vinhas de Napa Valley tenham sido plantadas em Yountville em 1836, a área só ganhou o status de AVA em 1999. Esse é apenas um dos vários fatos surpreendentes sobre Yountville. Outra é que sua maior vinícola, Domaine Chandon, não faz nenhum vinho com a denominação de Yountville. Finalmente, enquanto Cabernet Sauvignon é a uva mais importante de Napa, Yountville produz uma variedade de vinhos, desde Chardonnay a Zinfandel. Mesmo assim & # x2014e apesar do fato de que o clima aqui é realmente um pouco frio para o amante do calor Cabernet & # x2014os vinhos mais conhecidos da denominação são baseados em Cabernet.

Christian Moueix e aposs Dominus é um desses. Firme e até um pouco austero em algumas safras, Dominus é também o clássico Yountville Cabernet: elegante e equilibrado, nem uma bomba de frutas nem um monstro tânico. Algumas vinícolas mais recentes em Yountville, como Pedras preciosas, vinhedos da família Rocca e Keever Vineyards, estão produzindo vinhos mais generosos. O mais novo participante de Yountville, Kapcs & # xE1ndy Family Winery, é particularmente promissor: a mistura Cabernet-Merlot de 2004, feita pela famosa Helen Turley, é concentrada, mas também elegante.

Oakville é o Malibu de Napa Valley, lar de todas as estrelas mais recentes. As celebridades mais velhas & # x2014Vinícola Robert Mondavi, Silver Oak Cellars e Opus One& # x2014 ainda tem muitos fãs leais, mas foram ofuscados recentemente por novos luminares como Harlan Estate, Dalla Valle, Screaming Eagle, PlumpJack e Rudd Estate.

O apelo de Oakville & aposs é fácil de entender: seus Cabernets são vinhos poderosos com um forte senso de lugar. Esse claro caráter de Oakville é uma surpresa, considerando o enorme tamanho do AVA, que se estende do lado oeste do vale e a cordilheira Mayacamas através do fundo do vale até o lado leste e a borda da Trilha do Silverado. Existem diferenças entre os vinhos do lado leste e oeste (os primeiros são maduros e dramáticos, os últimos mais graciosos), mas a maioria dos Oakville Cabs tem um aroma notavelmente semelhante, um caráter sutil de cedro mentolado.

Os vinhos concentrados de Harlan Estate e Ligação, O novo projeto de Bill Harlan, estão entre os melhores do lado oeste, assim como Far Niente& aposs denso, carnudo 2001 Cab. Águia gritando é um dos Cabernets mais procurados do lado leste, embora Dalla Valle os vinhos também estão entre os melhores. Outros Cabernets proeminentes do lado leste incluem Joseph Phelps& aposs Backus Vineyard engarrafamento e Níquel e Níquel& aposs Stelling Vineyard Cabernet.

Howell Mountain foi o primeiro sub-apelido em Napa Valley a ganhar o status de AVA (em 1984). Ao contrário das denominações de montanha no lado oeste, que começam em uma elevação de 120 metros (alguns vinhedos mal se erguem acima da Rodovia 29), a Montanha Howell AVA, na cordilheira oriental de Vaca, começa a 1.400 pés, acima do nevoeiro, o que significa manhãs mais quentes e brisas mais frescas da tarde.

Embora a Montanha Howell seja conhecida pelos Cabernets, também é o lar de alguns Zinfandels notáveis. Os Cabernets são concentrados e estruturados, e muitos têm um caráter herbáceo sutil que vai do cedro ao endro e à azeitona preta, enquanto os Zins são intensos mas, graças ao clima aqui, raramente passam de maduros.

Dunn Vineyards, com seus poderosos Cabernets tânicos, chamou a atenção pela primeira vez para a Montanha Howell em 1979. Vinhas Beringer é também uma presença significativa e conhecida por seu Bancroft Ranch Merlot e seus três únicos vinhedos Howell Mountain Cabs. Outros táxis importantes incluem os de Cornerstone Cellars, Lokoya (que produz vários vinhos de denominação de montanha), Robert Craig, O & aposShaughnessy Estate e Vinhas da montanha Howell. Ladera Vineyards é um recém-chegado promissor. Os melhores Zins, arrojados e elegantes, vêm de Howell Mountain Vineyards, uma parceria entre os proprietários do Beatty Ranch e Black Sears Vineyard, onde o engarrafamento apimentado Black Sears é a estrela.

Laurie Daniel viaja regularmente para Napa Valley para sua coluna semanal de vinhos, que é publicada em vários jornais da Califórnia, incluindo o Notícias de San Jose Mercury. (Informações adicionais sobre onde ir relatadas por Erika Lenkert.)


Onde Ficar em Napa Valley

Em Napa, fiquei em êxtase por ficar no Meadowood, um resort de luxo em Santa Helena. A propriedade tem o spa mais sereno, um restaurante com três estrelas Michelin chamado The Restaurant, gramados de croquet, campo de golfe para caminhadas, três piscinas, sete quadras de tênis e trilhas para caminhadas.

Eu fiquei em uma cabana aconchegante, enfiada na floresta com lindos detalhes em madeira, banheira gigante e uma lareira aconchegante. O atendimento é impecável! Eles também entregavam meu serviço de quarto em uma cesta de piquenique e esse era um detalhe tão encantador que nunca esquecerei.

Depois de um dia de degustação de vinhos, nada melhor do que voltar para uma noite relaxante em Meadowwood.

Eu também tive a massagem mais relaxante e poderia ter passado o dia inteiro no spa!


Como a principal variedade branca de Napa, é comum encontrar chardonnay sentado ao lado do cabernet em uma sala de degustação. As técnicas de vinificação variam muito em Napa, permitindo diferentes expressões desta uva maleável, desde magra e crocante a voluptuosa e encorpada. O chardonnay de Napa Valley é provavelmente mais conhecido por sua virada premiada durante o Julgamento de Paris de 1976, quando o vinho do Chateau Montelena venceu os concorrentes franceses.

Vinho para experimentar: Chateau Montelena, Chardonnay, Napa Valley


Dez principais vinícolas em Napa Valley

Nosso bed and breakfast em Calistoga é o lar perfeito longe de casa e o ponto de partida para a sua escapadela na região vinícola de Napa Valley. Com dezenas e dezenas de incríveis vinícolas próximas para escolher, é impossível reduzir a uma lista curta. Poderíamos facilmente ter tornado esta lista uma das 100 melhores, mas por uma questão de tempo, 10 de nossas principais recomendações estão listadas abaixo em nenhuma ordem específica. Sua aventura de degustação de vinhos começa aqui!

    - Visite um dos produtores de vinho mais antigos em Napa Valley, desfrute de amostras de barris de Cabernet, faça um tour e visite o Heritage Room para aprender mais sobre a história do vinho em Napa. - Este é um vinhedo simples e autêntico de propriedade familiar onde você pode agendar um tour privado e degustação hospedada pela família. - Pare para almoçar nesta vinícola e peça um cardápio completo de comidas gourmet. Faça um piquenique no gramado amplo ou relaxe nas cadeiras Adirondack sob os carvalhos. - Visita para degustação de vinhos ou visita guiada ao castelo e adega autenticamente construída do século 13, de inspiração toscana. Prove a sua vasta selecção de vinhos artesanais, disponíveis exclusivamente no Castello ou no nosso site. (Economize com nosso Tour de Castello di Amorosa especial) - Esta vinícola é conhecida pelos melhores táxis de Napa e é a mais antiga de Pritchard Hill. Faça um tour informativo de 90 minutos com degustações incluídas e até mesmo experimente seus novos lançamentos!

    - Esta vinícola é especializada em Chardonnay e Pinot Noirs de alta qualidade, que você pode degustar em seu deck ensolarado, enquanto relaxa sob um guarda-sol à sombra. é uma das experiências de degustação mais exclusivas localizadas no centro de Calistoga. Prove vinhos com frutas provenientes de Knights Valley e Sonoma Coast neste edifício histórico do Banco Nacional de Calistoga que remonta a 1909. - Esta vinícola é especializada em Cabernet Sauvignon, Zinfandel e Chardonnay de produção limitada e artesanal, e está localizada no sopé de Calistoga & # 8217s Oat Hill na Califórnia e o vale de Napa # 8217s. - Beba um pouco de vinho em um posto de gasolina da década de 1930 na cidade de Calistoga, no Vale do Napa, Califórnia. - O técnico Dick Vermeil, que levou o St. Louis Rams à vitória no Super Bowl em 2000, frequenta a sala de degustação, e você pode até assistir a um de seus jogos na TV de tela grande durante sua experiência de degustação de vinhos aqui.

Após um dia degustando os maravilhosos vinhos de Napa Valley, volte para o seu quarto luxuoso no Calistoga Wineway Inn ou no Craftsman Inn para relaxar e ter uma ótima noite de sono.


Vinícolas

Barnett Vineyards

O fogo danificou um convés superior, galpão de armazenamento e vinhedos. Visite o site para comprar vinho diretamente.

Behrens Family Winery

A vinícola queimou, mas o celeiro do tanque e a sala de degustação ainda estão de pé. Atualmente, os vinhos são oferecidos por alocação.

Bremer Family Winery

O vinhedo foi queimado, mas seus prédios históricos (incluindo uma estrutura vintage de 1891 que foi a sede original da Sutter Home) sobreviveram. Visite o site para comprar vinho ou aderir ao clube.

Burgess Cellars

Esta vinícola Howell Mountain foi completamente destruída, mas os danos aos vinhedos foram mínimos. Contate-os diretamente para obter informações sobre vinhos.

Cain Vineyard and Winery

A vinícola Spring Mountain perdeu quase todos os seus edifícios, incluindo a vinícola principal e um celeiro construído na década de 1970. Visite o site para saber mais sobre a compra de vinho.

Castello di Amorosa

Embora tenham perdido o prédio de armazenamento de vinho no incêndio, a estrutura principal do castelo sobreviveu intacta e a vinícola está aberta para degustações.

Chateau Boswell

A vinícola foi completamente destruída. Contate-os para saber mais sobre vinhos.

Cornell Vineyards

Perdeu três casas, mas a sala de degustação permanece. Visite o site deles para entrar na lista de mala direta.

Davis Estates

O fogo queimou tudo ao redor da vinícola, no entanto, o prédio da vinícola, a sala de degustação, as cavernas e o celeiro histórico foram salvos. A vinícola retomou as degustações.

Dutch Henry Winery

A vinícola sofreu grandes danos. Visite o site para saber mais sobre vinhos.

Eeden Vineyards

A vinha inteira foi destruída. Contate-os diretamente para obter informações sobre a compra de vinho.

Fairwinds Estate Winery

A sala de degustação sofreu muitos danos e está atualmente fechada. Visite o site deles para solicitar vinho para envio.

Fantesca Estate

Os incêndios atingiram o deck de degustação ao ar livre e alguns equipamentos, mas a vinícola e as casas na propriedade não foram afetadas. A vinícola retomou as degustações.

Flying Lady Winery & amp Estate

Toda a vinícola de 13 acres foi destruída. Contate-os diretamente para obter informações sobre vinhos.

Ampulheta Winery

A vinícola e a pousada de 162 anos foram perdidas. Entre em contato com a vinícola para obter informações sobre vinhos.

Vinhos Hunnicutt

O paisagismo e alguns equipamentos de vinificação foram perdidos, mas o prédio da vinícola sobreviveu. Os vinhos estão disponíveis para compra online.

Vinhos Merus

Um edifício de produção, alguns equipamentos de vinificação e uma das duas residências da propriedade foram destruídos. Os vinhos estão disponíveis para compra online.

Newton Vineyard

A maior parte da vinícola foi gravemente danificada. Visite o site para saber mais sobre vinhos.

Paloma Vineyard

A propriedade foi totalmente destruída. Entre em contato diretamente com a vinícola para obter informações sobre vinhos.

Phifer Pavitt Winery

O Glass Fire destruiu várias estruturas da propriedade, mas a vinícola sobreviveu. Os lançamentos atuais estão disponíveis para compra online.

Ritchie Creek Vineyard

A vinícola Spring Mountain foi seriamente danificada, incluindo sua vinícola e um prédio de armazenamento que continha a maior parte de seu vinho.

Vinhedo School House

Uma casa da propriedade foi destruída. Os vinhos estão disponíveis para compra online.

Sherwin Family Vineyards

A vinícola Spring Mountain de propriedade familiar de 24 anos foi destruída. Entre em contato diretamente com a vinícola para obter informações sobre vinhos.

Vinhas de Spring Mountain

A vinícola principal, as cavernas e a mansão sobreviveram, mas o vinhedo e a construção de uma vinícola da era de 1873 foram perdidos. Visite o site para comprar vinho.

Sterling Vineyards

A propriedade sofreu danos, embora o prédio da vinícola e o bonde ainda estejam intactos. A data de reabertura ainda não foi determinada.

Vinhos Teachworth

A Casa da Montanha e uma boa parte da floresta em torno de seus vinhedos foram perdidos. Os vinhos estão disponíveis para compra online.

Terra Valentine

A casa de vigia da vinícola foi perdida, mas os vinhedos não foram danificados. Visite o site para comprar vinho.

Vinhedo da família Tofanelli

A maioria dos vinhedos e também um celeiro de 120 anos foram perdidos, além da casa da família da vinícola. Entre em contato diretamente com a vinícola para obter informações sobre vinhos.


Obter direções

ALEXANDER VALLEY

Uma parada no tour imersivo de três horas pela propriedade na Jordan Winery.

Jordan Vineyard e amp Winery

Existem componentes culinários na maioria das experiências e eventos da Jordan Vineyard & amp Winery, mas o Estate Tour & amp Tasting é de longe o mais abrangente. Após um leve café da manhã com champanhe, esta exploração de três horas leva você a bordo de uma luxuosa van sprinter em um passeio pela propriedade de 1.200 acres. Você fará várias paradas ao longo do caminho: o jardim culinário e apiário do Chef Executivo Todd Knoll, um lago para a primeira combinação de comida e vinho - uma degustação de dois Jordan Chardonnays com duas mordidas e azeite de oliva - um bloco de vinhedos por um passeio educativo e, por fim, o Vista Point. Situado no topo de uma colina a 200 metros de altitude com vista de 360 ​​graus, Vista Point é o local da combinação final de comida e vinho, envolvendo uma degustação de dois Jordan Cabernet Sauvignons para desfrutar com uma caixa de bento cheia de mordidas, como Knights Valley Bife Black Angus assado em folhas de raiz-forte, verduras de mizuna com vinagrete de missô de mel da fazenda e queijos locais. Este ano, a combinação final de comida é servida em cerâmica feita localmente que usa o solo do jardim da Jordânia. Disponível de quinta a segunda às 9h45, de maio a outubro. $ 125

O prato principal no Silver Oak & # 8217s emparelhamento de comida em Healdsburg.

Silver Oak Alexander Valley

Uma das várias novas vinícolas em Alexander Valley, a Silver Oak Cellars concluiu recentemente a construção de uma vinícola verde de última geração, sala de degustação e cozinha do chef na Rodovia 128, no coração da região. Embora o passeio pela vinícola com certificação LEED e pela adega em barris de carvalho americano seja impressionante, o Silver Oak Food & amp Wine Pairing é imperdível. A experiência começa com um passeio pela sala de degustação, vinhedo da propriedade e jardins culinários e, em seguida, passa para a melhor parte: quatro mordidas, como ostras fritas ou confit de perna de pato Liberty Farms, são preparadas pelo chef Dominick Orsini e combinadas com lançamentos atuais de Vinhos Silver Oak e Twomey. Disponível de quarta a sábado às 11h $ 90

Chalk Hill é uma das melhores vinícolas de Sonoma com combinações de comida. Inclui um passeio pelo jardim culinário de cultivo orgânico da propriedade.

Chalk Hill

Uma verdadeira experiência do campo ao prato, o Culinary Tour & amp Tasting de Chalk Hill começa com um amuse bouche e um passeio pelo jardim culinário de cultivo orgânico da propriedade. Lá, você verá a inspiração para a degustação de quatro pratos que se seguirá entre as vistas panorâmicas dos impressionantes 1.300 acres de vinhedos e natureza selvagem da propriedade. Uma colaboração total entre o chef Dave Thater e o Master Sommelier do Chalk Hill, cada prato é cuidadosamente elaborado para complementar o copo com o qual é combinado. Disponível de terça a sábado às 10h $ 120 / $ 96 para sócios do clube.

DRY CREEK VALLEY

A experiência da mesa do chef de Seghesio combina quatro vinhos com quatro pratos. Foto cedida por Seghesio Family Winery.

Vinhedos da família Seghesio

Os italianos há muito dominam a arte dos vinhos amigos da comida e Seghesio, fundado antes da Lei Seca por um imigrante italiano, orgulhosamente mantém a tradição. Oferecendo o sabor da Itália na região vinícola da Califórnia, a experiência Chef’s Table de Seghesio combina variedades italianas, além de zinfandel, com quatro pratos sazonais. Alguns são até receitas de família antigas, como ravióli de linguiça e espinafre com castanhas e grana padano. Disponível sexta-feira, sábado e domingo às 11h00 e 13h00 por nomeação. $ 80 / $ 65 sócios do clube

Vinhas da Amista

Localizada no centro de Dry Creek Valley, em frente ao histórico Dry Creek General Store, a Amista é uma pequena vinícola familiar que costuma ser esquecida. Os visitantes podem desfrutar de chardonnays, zinfandels, syrahs e misturas com mordidas e queijos locais em sua experiência Discovery Wine & amp Food Pairings. O cardápio oferece cinco canapés, cada um acompanhado de um vinho, como salmão e creme fraiche com chardonnay e uma almôndega apimentada com zinfandel. $ 50

Lambert Bridge traz um chef local para sua Chef & # 8217s Table Series a cada mês. Foto cortesia de Lambert Bridge.

Ponte Lambert

Uma vez por mês, Lambert Bridge faz parceria com um chef local de Sonoma County e coloca em sua Chef’s Table Series. Os chefs visitantes, escolhidos a dedo em restaurantes populares como Valette, Brass Rabbit e Backyard, preparam um menu sazonal de vários pratos para desfrutar ao ar livre ao lado dos lançamentos atuais da Lambert Bridge. $ 125 / $ 95 sócios do clube

Williamson Wines

Localizado a uma quadra da Healdsburg Square, Williamson Wines tem algo para todos, com uma variedade de experiências gastronômicas à sua escolha. Eles são mais conhecidos por sua degustação de Fridge Foods & amp Wine de cortesia - embora a maioria das combinações de vinícolas não sejam caseiras, esta oferta demonstra como os vinhos podem combinar com os alimentos do dia-a-dia que você pode encontrar em sua geladeira. Por US $ 50, a degustação Icon Wines & amp Culinary Delights combina pratos com os melhores vinhos de pequena produção de Williamson, enquanto como o nome sugere, a degustação Rhône Wines & amp Savory Bites (US $ 65) mergulha em variedades Rhône como syrah, roussanne e grenache. Se os vinhos de Bordeaux (cabernet sauvignon, merlot, malbec, etc.) são mais a sua geléia, a degustação Meritage ($ 75) oferece.

VALE DO RIO RUSSO

O elegante Bubble Room em J Vineyards oferece uma combinação de vinhos e pratos de cinco pratos.

J Vineyards e amp Winery

One of the only Sonoma wineries with food pairings served in an actual restaurant setting—and one of the first to implement a comprehensive wine and food program—the J Bubble Room plays host to an elegant, five-course meal complete with heavy-handed wine pairings (both sparkling and still). The menu changes every six weeks and wine pairings range from only one sparkling wine in the flight to several, so if you’re expecting bubbles with your lunch, call ahead to confirm. Courses may include delicacies, such as scallops with cauliflower romanesco, Liberty duck with Matsutake and smoked Eye of the Goat beans with avocado and crispy onions. Available Thursday-Sunday with seatings between 11 a.m. and 3 p.m. $125/discounted pricing for club members

MacRostie’s Elevated Tasting, only offered on Sundays.

MacRostie Estate House

This glass-walled, modern farmhouse-meets-tasting lounge in the Russian River Valley is a Sonoma County favorite among design geeks. Only offered on Sundays, the Elevated Experience begins with a tour of the property, followed by a tasting of six wines—a mix of single-vineyard chardonnay and pinot noir from the Russian River Valley and Sonoma Coast. Pairings are simple but elegantly presented, from a caprese salad skewer to marinated nuts. This tasting is typically hosted in the MacRostie Estate House’s private room, which opens to a side terrace with beautiful views of hillside pinot noir vines. But if you prefer to dine al fresco, guests can request a table on the front terrace, overlooking MacRostie’s nascent, river-facing Thale’s Vineyard. Available Sundays at 11 a.m. $75

Dutton-Goldfield Winery

Of all the Sonoma wineries with food pairings, this one might be the most creative. When it comes to sushi, you’re likely thinking sake, but Dutton-Goldfield wins for most original Sonoma County experience with their Wine and Sushi Flight . Pairing single vineyard wines with an assortment of sushi rolls from Sebastopol’s Sushi Tozai, Dutton-Goldfield demonstrates wine’s flexibility to pair with all kinds of food. If you prefer cooked food, try the Beast & Pinot Tasting , offering a selection of their top pinot noirs with a lineup of local “beasts” from both land and sea. $40/ $20 club members

Rodney Strong’s five-course Vine to Table Experience.

Rodney Strong Vineyards

Rodney Strong’s five-course Vine to Table Experience features seasonal bites from winery chef Alejandro Garcia paired with five Rodney Strong wines. Between April and October, the food and wine pairing is hosted outside on the winery terrace, boasting umbrella-covered tables, lounge areas, a wood-fired oven and spacious tasting bar—all overlooking the winery’s back lawn (known for its summer concerts) and adjacent estate vineyard. You’ll also get to choose between tasting current releases or library vintages. Available Saturday and Sunday at 12 and 2:30 p.m. $70-90

Kendall-Jackson

The Wine & Food Pairing at Kendall-Jackson focuses on five of the estate’s small production and limited release wines—so, not just the chardonnay you see at every grocery store—and pairs them with sizeable plates, like beef short rib pasta and a mushroom and sunchoke soup, sourcing many ingredients straight from their sprawling, four-acre sensory gardens (which, you must explore before you leave). The Jackson Family Wines culinary team released a gorgeous, 288-page Wine Country cookbook in 2018, so trust they know what they’re doing. $55/$41.25 club members

La Crema’s Saralee’s Picnic Experience is like glamping for picnics. Photo courtesy of La Crema.

La Crema

Designed for a party of four (perhaps an occasion for a double date), Saralee’s Picnic Experience at La Crema isn’t your typical laid back affair on a patch of grass. This is like the glamping of picnics: Guests enjoy a formal seated wine tasting (either inside the gorgeous and refurbished historic barn or outside looking out at the vineyards) alongside a curated picnic basket of cheeses, prosciutto, artichoke and almond tapenade, and more. They even get to take the basket home as a souvenir. $150/$120 club members

Arista Winery

Discover how local ingredients can change and enhance the flavors and textures in your glass when you book Arista’s Estate Experience. Start the day with a tour of Arista’s stunning, 36-acre property, including a guided walk with Executive Chef Timothy Kaulfers through the winery’s vegetable, fruit and herb garden. This experience culminates with a five-course food and wine journey at the intimate Estate Pavillion, which boasts views of Mt. St. Helena and sprawling Russian River Valley vineyards. Available Wednesday-Saturday at 12:30 p.m. $155

The Lynmar Experience is a three-course farm-to-table lunch with wine pairings. Photo courtesy of Lynmar Estate.

Lynmar Estate

For the Lynmar Experience , executive chef David Frakes, who spent a decade in Napa Valley as executive chef at Beringer Vineyards, sources from the estate culinary gardens and prepares a three-course, farm-to-table lunch to pair with Lynmar wines (many of which are made from some of the oldest chardonnay and pinot noir vines planted in the Russian River Valley). The meal begins with a light starter, like warm organic popcorn matched with chardonnay, features two heartier plates, such as pan-roasted breast of Sonoma duck, and then culminates in a bonus dessert course. Offered Thursday-Sunday (April 19–November 3). $85/$75 wine club members

Paul Hobbs Winery

Renowned winemaker Paul Hobbs, who cut his teeth under none other than Robert Mondavi in the late 70s, offers a Vineyard Designate Experience that begins with a tour of the 12,000-square-foot winery and surrounding vineyards at his Howard Backen-designed Katherine Lindsay Estate in Sebastopol, which Hobbs named after his great grandmother. Guests then sit down for a tasting of six, highly-limited production and vineyard designate wines, paired with seasonal bites prepared by the winery chef. $145

SONOMA VALLEY

Gloria Ferrer’s Bubbles & Bites experience pairs four bites with four wines: three sparkling cuvées and one pinot noir. Photo courtesy of Gloria Ferrer.

Gloria Ferrer

Gloria Ferrer has built a strong reputation for its sparkling wines over the last three decades and doesn’t disappoint with stunning views of the Carneros wine region’s cascading hills from their expansive winery terrace and Vista Room. The winery offers a myriad of tasting experiences , but only two pair with food: Bubbles and Bites and A Taste of Spain. The sparkling wine experience ($60) begins with a tour and pairs four bites with four wines: three sparkling cuv é es and one pinot noir. The Taste of Spain ($50) on the other hand, explores five Spanish wines, including a Cava, paired with tasty tapas. Available daily at 10 a.m., 12 p.m. and 2 p.m. Wine club members receive a 20% discount.

Mayo Family

The Mayo Family Reserve Room might just be the most robust of all the Sonoma wineries with food pairing experiences on this list, so come hungry. Take in views of Kenwood’s hillside vineyards while you work your way through seven courses—from a Dungeness crab croqueta to winter squash gratin—prepared by executive chef John Locher (who hails from The General’s Daughter an d winery kitchens Beringer and Viansa) and his culinary team. You’ll also sip through seven single-vineyard wines, ranging from a roussanne to a pinot noir and even a late harvest gewürztraminer. The experience also comes at an incredible value, just $50. Available Thursday-Monday.

A food and wine pairing at the historic adobe at Three Sticks. Photo courtesy of Three Sticks.

Three Sticks

Settle into Three Sticks’ gorgeous, cozy and historic Vallejo-Castanada Adobe for a unique and cultural Food & Wine pairing. Located on the Sonoma Plaza, this building is the longest-occupied residence in Sonoma and is one of the few remaining from California’s Mexican Period. For the tasting, five wines are paired with five bites prepared by Chef Armando Garcia of nearby El Dorado Kitchen. They had us at a lobster corn dog paired with the Gap’s Crown Vineyard Chardonnay. Available Monday-Friday at 10:30 a.m., 1 p.m. and 3:30 p.m. $85

WALT Wines

Pinot noir enthusiasts can’t skip the Root 101 Experience at WALT Wines. No car required, this 1,000-mile educational exploration of west coast pinot noir from Santa Barbara to Oregon’s Willamette Valley can be experienced right from their intimate Sonoma Plaza tasting room. Taste the distinct differences in terroir during a comparative tasting of six single vineyard pinots from varying regions, each paired with bites from Sonoma farm-to-table legend The Girl and The Fig, like duck rillettes with housemade fig jam and butternut squash ricotta cheesecake. $60/$40 wine club members

The Scribe Hacienda hosts the Mezze Experience. Photo courtesy of Stephanie Rudy.

Scribe Winery

Scribe is where the cool kids go, and while hanging on their hilltop is a favorite pastime, their renovated 1850s Hacienda is even more magical. The Hacienda hosts the Mezze Experience—Mezze is a Mediterranean and Middle Eastern dining tradition involving small plates and alcoholic drinks—for which Scribe’s culinary team sources their own produce and serves up light and farm-fresh dishes that you won’t feel guilty about later, like roasted winter vegetables with pistachio salsa and German Butterball potato salad . This is a casual experience and the plates aren’t paired with specific wines just enjoy eating and sipping Scribe’s unique and forgotten varietals, like sylvander and riesling, at your leisure. Available Thursday-Monday. $60

Marimar Estate

It doesn’t get much more authentic than Marimar’s Tapas and Wine Pairing , which pairs four pinot noirs and chardonnays with four tapas that come straight out of proprietor Marimar Torres’ own published cookbooks. Torres came to California from Barcelona in 1975 to plant her Green Valley vineyard and is equally deft in the cellar and kitchen. She has carefully selected flavorful recipes that enhance, not distract from, the flavors in the wine, like Farcellets de Col (cabbage dumplings stuffed with pork, chorizo, pine nuts and raisins) and the sweet Higos Pasos Rellenos con Salsa de Chocolate (figs stuffed with chocolate and nuts in a chocolate sauce). The food pairing experience also comes with sprawling vineyard views from the Catalan-style terrace. $55

The five-course Seasonal Wine & Food Pairing at Ram’s Gate Winery. Photo courtesy of Ram’s Gate Winery.

Ram’s Gate Winery

Known as the gateway winery to Sonoma from San Francisco and the Bay, Ram’s Gate Winery uses their in-house open kitchen as much as possible. You can simply add on a selection of five bites ($20) to their Vineyard Designate Tasting & Tour, or go bigger with the Seasonal Wine & Food Pairing ($130). This experience includes an in-depth tour of the estate and is designed around the wine—Ram’s Gate works with premium sites to craft a diverse line-up of small lot, single-vineyard pinots and chardonnays—as the culinary team thoughtfully creates a menu of five hyper-seasonal courses to enhance each glass, like mushroom linguini with braised oxtails. The next step up from that is The Chef’s Table ($250, by advanced reservation). Great for groups, this interactive experience takes place in the kitchen and includes six wine and food pairings. The Seasonal Wine and Food Pairing is available Thursday-Monday at 11 a.m., 1 p.m. and 3 p.m.

Patz & Hall

Visit Patz & Hall’s cozy-chic Sonoma House and reserve the Salon Tasting , hosted in an intimate and private room. Enjoy six single vineyard chardonnays and pinot noirs, sourced from some of the best sites and growers around, like Dutton Ranch, Gap’s Crown and Hyde vineyards. The wines are paired with a selection of gourmet canapes, for example, Moroccan spiced lamb on sweet potato, topped with cranberry slaw. After the experience, make sure you take a few moments to walk around the idyllic grounds, which have views of their estate vineyards and the Mayacamas Mountains. Available Monday and Thursday at 10:30 a.m., and Friday-Sunday at 10:30 a.m. and 1:00 p.m. $75

A dish from the five-course Food & Wine Pairing at St. Francis Winery. Photo courtesy of St. Francis Winery.

St. Francis Winery

St. Francis Winery’s substantial, multi-course Wine & Food Pairing by Executive Chef Trevor Eliason is served in a private dining room off the back terrace, overlooking a lawn that opens to an experimental vineyard filled with almost a dozen different grapes. The experience, which has been named Best Restaurant in America by OpenTable more than once, includes five different varietal wines (from a chardonnay, zinfandel and a port for dessert) paired with five elevated, seasonal dishes, like Dungeness crab lumpia and duck confit trotter. Available Thursday-Monday at 11 a.m., 1 p.m. and 3 p.m. $85/$68 wine club members

Pangloss Cellars

Pangloss works with local purveyors to create their Seasons in Sonoma food pairing, which matches a flight of three wines with small and seasonal bites, like County Line baby beets with pistachio, honey vinaigrette and spearmint in winter or spiced peach tartlet in summer. This tasting is available in the Lounge of their gorgeous, 4,000 sq. ft. Sonoma Plaza tasting room, housed in a 115-year-old building that has its original redwood and stone walls. $30-50

Hamel Family Wines’ Reserve Experience features a four-course pairing menu. Photo courtesy of Hamel Family Wines.

Napa Valley and Sonoma County are open for visitors right now – but only for outdoor wine tasting experiences and dining in the wake of COVID-19. While it’s a beautiful time to visit the wineries of Napa Valley, and it’s one of the best places to travel in the US right now, there are certain things to keep in mind when planning a Napa trip this Summer or Fall, whether you’re flying in from afar or looking for the perfect romantic California road trip destination.

  1. Plan your visit well ahead of time. Wineries are operating at low capacity to create lots of space, so book appointments early. Most wineries in Napa and Sonoma are open by appointment only right now.
  2. Always wear a face covering and social distancing while visiting wineries and downtown areas. Only take off your mask once you’re seated with your group to taste the wine.
  3. Wineries are doing their part to maintain a safe environment by cleaning frequently and between visits. Make sure you’re doing your part by washing your hands frequently and sanitizing frequently (I like these travel hand sanitizers here) to help keep everyone safe and of course make sure you stay home and away from others if you aren’t feeling well.

Here are the best wineries in Napa Valley and Sonoma that are open for tasting right now

AXR

This place is SO good, you guys. Their chardonnay may just be my favorite in Napa, and the reds are amazing too. AXR offers private tours and tastings at their beautiful historic estate. Tastings may be hosted on the patio or in the estate house. They’re also able to arrange in-person/virtual combo tastings.

Book a tasting at AXR (tell them Jetset Christina sent you!): (707) 302-8181

Alpha Omega Winery

Alpha Omega’s spacious terrace is ideal for outdoor tastings. Reservations are required for all experiences. Maximum party size is six guests.

Artesa Vineyards & Winery

This is one of my favorites! Such a gorgeous winery, and delicious summery wines. Seated tastings and private tours are available by reservation with optional food pairings that can be ordered day of.

Open daily 10 a.m. to 5 p.m. by reservation only

Beringer Vineyards

The iconic Napa staple, Beringer, is offering various outside experiences throughout our scenic property. Try a seated luxury experience on the Veranda at the historic Rhine House. Or try a tasting on our Promenade in front of the original winery. Tastings are 21 and over. Looking for a family experience? Enjoy a glass of wine in the Plaza or Backyard.

Open Thursday through Monday, 10 a.m. to 5 p.m. by appointment only

Cakebread Cellars

Another one of my absolute favorite chardonnays. I just booked a tasting here for when I go to Napa later this month.

They are offering private tastings for up to 6 guests in the gardens and nine private tasting rooms.

Open daily from 10 a.m. to 4:30 p.m. by appointment only

Book a tasting by phone: (800) 588-0298
Email (tell them you found out about them from Jetset Christina!): [email protected]
Website: http://www.cakebread.com

Castello di Amorosa

Castello di Amorosa is one of the best Napa wineries to go with a group, or any first-timer visitor to Napa – it is GORGEOUS, and they’re currently open and offering a variety of wine tasting experiences like the Diamond Estate Tour and Reserve Tasting and the Il Passito Seated Reserve Tasting. Visit their website at www.castellodiamorosa.com for more information.

Monday through Friday, 11 a.m. to 4 p.m. Saturday and Sunday, 10:30 a.m. to 5 p.m.

Caymus Vineyards

Another one of my favorite spots in Napa is Caymus – they have a gorgeous outdoor garden area that is open right now. From the moment you arrive until your departure, your safety is our highest priority. They’ve also put into place touch-less Apple Pay and Android Pay to make things even safer.

Open daily 9:30 a.m. to 4:30 p.m. by appointment only

Chateau St. Jean, Kenwood

Duckhorn

Duckhorn’s phenomenal Napa Valley wine tasting at Duckhorn Vineyards has beautiful outdoor settings and vineyard views, so social distancing here is easy.

Open daily from 10 a.m. to 4 p.m., reservations required, attendees must be 21 or older

Far Niente

Grgich Hills

Tastings will be conducted on Grgich’s super-cute Ranch House patio with increased health and safety procedures designed to promote a safe environment in the age of COVID. Please call the winery at (707) 963-2784 to book your tasting.

9:30 a.m. to 4:30 p.m. by appointment only

HALL

I love wine tasting at HALL – it’s sleek, contemporary, and their wines are SO GOOD. They also have one of the best outside wine tastings in Napa. Their art of Cabernet tasting flights are available in all of their beautiful outdoor locations.

Open daily from 10 a.m. to 5 p.m. by appointment only

Inglenook

Jordan Winery

Current alfresco wine tasting experiences include:

Book a tasting: (707) 431-5250 , tell them Jetset Christina sent you!

Photo from Jordan’s Picnic Days, from their website

Joseph Phelps

Head straight to the outdoor Terrace Tasting featuring a selection of Joseph Phelps current release wines, including their world-famous Insignia. This is a great outdoor, safe, relaxing and intimate Napa Valley wine tasting experience.

Wednesday through Friday, 10 a.m. to 5 p.m. Saturday and Sunday, 10 a.m. to 4 p.m. by appointment only

Lancaster Estate

Current Hours: 10 am to 3 pm, Thursday through Monday by appointment only

Palmaz Vineyards

If you’re looking for a winery that will blow your mind (with its wines, its views, and its technology), Palmaz is it. Their tagline is ‘the fusion of tradition and technology’ and that’s exactly what tasting there is about. It is a GORGEOUS winery is tucked away all by itself in Napa and is owned by an Argentinean family, who have a love for food, and, of course, meat!! Their legendary Argentinean cookout parties are what club members rave about, and when you join their wine club you even get a beautiful traditional steak knife.

I recommend Palmaz to anyone looking for a really unique tasting, with AMAZING wines.

6 persons maximum, by appointment only.

To make an appointment: 707-226-5587 or [email protected] (as always, tell them Jetset Christina sent you!)

Kelly Fleming Winery (Calistoga)

This absolutely stunning property is open and it is a small production, cult-following wine that you will want to take CASES home of. The caves are absolutely breathtaking and Kelly’s eye for design is felt throughout the stunning property. They only take 8 visitors a day so it’s a super exclusive tasting – Loved this spot.

Highly recommend their ‘big pour’ cabernet sauvignon.

Silver Oak

Hands down one of my all-time favorite cabernet sauvignons and a must-do stop on any trip to Napa. Silver Oak is open for an outdoor wine tasting experience under the covered patio or in our courtyard. Seated tastings by appointment only.


La Crema

Reservas: Not needed for Signature or Vineyard Select tasting, required for other tastings or groups of 7+
Tasting: $15+
Varietals: Chardonnay, Pinot Noir

While there are a few other wines available, the vast majority of the La Crema production is Chardonnay and Pinot Noir, and they definitely do both well. There is an estate to visit, but also a tasting room in downtown Healdsburg, which is where I enjoyed sampling the wines and purchasing a bunch to enjoy at home.


MELHOR Local Winemaker

Heidi Barrett continues her three- year streak as Napa Valley’s favorite winemaker. It’s no surprise as this Berkeley native has been making wine in Napa since the early 1980s, breaking the glass ceiling by reaching early acclaim as winemaker for Screaming Eagle, one of California’s notable cult wines. She now either makes wine or consults for numerous labels and is currently touting her own, La Sirena and Barrett & Barrett, a brand created in partnership with vintner husband and Industry icon Bo Barrett.

Sarah Fowler •

8466 St Helena Hwy., Rutherford

Rudy Zuidema •


Best Outdoor Wine Tastings in Napa Valley

Come for the wines, stay for the scenery. Napa Valley is one of the most beautiful places in the world, and nothing pairs better with our world-class wines than picture-perfect views. From rolling hills framed by majestic oaks to sweeping mountain views and gorgeous gardens, here are some of the best places to enjoy an outdoor wine tasting with a side of scenery in Napa Valley.

Please remember to travel responsibly. Advance reservations are required at all wineries, and masks are mandated throughout Napa County. Find all the health and safety info you need to plan your visit here.
& # xA0

Soak up stunning views from the very top of Pritchard Hill with an outdoor tasting at Chappellet. Pre-book a picnic table and bring your own picnic lunch to enjoy a leisurely afternoon overlooking Napa Valley and Lake Hennessey.


Assista o vídeo: Celebrating The Judgment of Paris (Dezembro 2022).